Fique Atento As Esses Dois Erros De Coluna

Fique Atento As Esses Dois Erros De Coluna
Sem Título-3

Nós todos sabemos que a coluna vertebral é a parte do corpo que, basicamente, precisa de mais atenção para evitar lesões, e geralmente são as áreas mais comuns que envolvem questões de segurança em geral.

Não há dúvida de que puxar ou empurrar o peso com a postura da coluna vertebral incorreta, será um voo de primeira classe para “ficar de molho” por tempo indeterminado de seus treinos e principalmente de sua vida cotidiana.

Há, no entanto, dois erros sutis que podem servir para ser “monóxido de carbono” para a saúde de volta. É isso mesmo, assassinos silenciosos, melhor dizendo, que pode levar à deficiência de força e maior potencial de lesão, se medidas adequadas não forem tomadas para corrigi-los.

Levantadores intermediários e avançados podem ser mais propensos a este do que o normal, desde que sua típica série envolva pesos mais pesados ​​do que os da média.

Caso você execute um dos dois erros a seguir, saiba que eles podem estar o colocando em risco de lesões e comprometendo seus ganhos.

#Erro 1: Flexão Cervical Durante Exercícios

Espinhos neutros são importantes, que geralmente envolve um arco resistente naturais costas e peito e alta posição costelas. Por alguma razão, no entanto, a coluna cervical fica sem amor quando se trata de posicionamento ideal. Agora, a conversa sobre a coluna cervical extensão foi abordado em muitos artigos.

Os sinais de não olhar para o teto quando estiver fazendo deadlifting, flexões e outros movimentos que não é anormal para se deparar na literatura de treinamento de fitness, devido à compressão que pode ser colocado sobre os discos. Mas ir a outra maneira – em flexão da coluna vertebral – vale a pena mencionar.

Muitos levantadores vão “entrar em seu ritmo” e moer um sólido conjunto de rosca bíceps em pé, olhando para o chão, ou até mesmo no bíceps ao se levantar.

Fique Atento As Esses Dois Erros De Coluna Outro exemplo (que comprova eu ser o grande culpado) seria levantar a cabeça acima do banco plana quando se pressiona, de forma que apenas a parte superior das costas e bunda esteja em contato com o banco.

É um hábito fácil de escorregar, sem temer repercussões negativas, devido à mecânica de outras formas tecnicamente corretas em configuração.

Vaidade à parte, a postura e a forma pode ser de fato o som, mas o verdadeiro elo fraco vem da posição do pescoço flexionado. Para demonstrar, tente fazer um conjunto de pé, único braço lateral, levanta com um peso moderado para um conjunto de 10.

Em seguida, vire a cabeça completamente oposto ao braço que você está levantando e tente novamente. Você vai notar uma diminuição significativa na força.

É importante lembrar que as vértebras são tratadas com tal cuidado especial ao treinamento de peso, pois encerra a medula espinhal que recebe estímulos do cérebro e envia para os nervos, que disparam seus músculos.

Estes processos vitais podem ser inibidos quando a coluna cervical é realizada em uma posição comprometida ou estranha (como flexão). Em outras palavras, quando se mantem os assuntos neutros da coluna cervical, tanto como se faz para o resto da coluna, a fim de tirar o máximo proveito de seus elevadores – especialmente quando se refere à parte superior do corpo.

Ao praticar essas posições você poderá ter alterações em sua postura cotidiana. Deitado de costas e levantando a cabeça, enquanto supino ou olhando para baixo, enquanto curling, por exemplo, isso pode estimular uma grande inclinação cranial.

Fazer o corpo se acostumar com essa posição incômoda e pode levar a dor muscular crônica, um exemplo disso são pessoas que adquirem uma dor de garganta crônica, devido a nada mais do que os músculos do pescoço tensos devido à má postura da cabeça, e saiba que isso só tende a piorar ao longo do tempo.

#Erro 2: Back Hyperextension

O número um em desenvolver lesões crônicas são os músculos, devido a indesejáveis posições que são alcançadas para realizar certos exercícios. A prensa de pé é o primeiro movimento que vem à mente quando se trata de um corpo apertado fazendo compressões.

Esse tipo de aparelho faz com que a compressão da coluna lombar, seja o alvo de notícias ruins quando se trata de “desfazer a carga”. Isso poderia levar a uma sinfonia de problemas, com a melodia de hérnia de disco e disfunção da cadeia posterior.

A principal razão da volta que forma o arco por cima em uma prensa de pé vem da imobilidade nos ombros. Uma vez que os ombros não têm a gama adequada de circundução, as mãos e os braços não podem voltar para terminar acima da espinha com facilidade.

O resultado é uma compensação aonde os arcos inferiores das costas vão muito além do normal, a fim de levantar a caixa torácica e puxar os braços para trás em busca da posição ideal – em última análise, mantendo o equilíbrio sobre o corpo.

O que precisamos fazer é criar mais mobilidade e alcance, e iniciar seus treinos com o ombro é uma das maneiras mais fáceis de conseguir este feito. 

Outra dica simples e eficaz é contrair os glúteos enquanto o ombro estiver pressionando. Muitas vezes, os levantadores avançados vão pensar em ficar apertado através das omoplatas e abdominais, mas nenhum deles terá um grande impacto sobre o controle da pelve e a propensão para escorregar em arco de volta.

Glúteos apertados vai. A glúteos e isquiotibiais contrato em um sentido descendente, ou seja, eles contribuem para posterior inclinação da pelve. Isso é apenas o que os médico ordenam para se livrar de sérias lesões musculares.

A quantidade de peso que esteja suportando a fim de manter a forma, também pode ser um pequeno passo para trás, quando se pensa em nome de sua saúde e segurança. Essa analise é um sacrifício, porém qualquer levantador inteligente estará disposto a fazê-la. 

Uma Questão De Tecidos

A capacidade de fazer os músculos ficarem tensionados melhora a qualidade de seus tecidos, esticando sempre para uma correção temporária. Rolamento, espuma e bola podem servir como ferramentas vitais para liberar o tecido que impede a coluna e a pélvis menor de manterem as posições ideais. Trabalhe as seguintes áreas:

=> Girar os ombros internamente apertados – pode promover a má postura no meio das costas, o que pode ser compensado através da região lombar. Evite posições gerais de serem alcançadas de forma otimizada.

=> Glúteos e isquiotibiais – melhorando a sua qualidade de tecidos irá permitir-lhes executar exercícios que se destinam a atingi-los diretamente. Os seus tecidos em geral serão ativados na integra mais facilmente.

=> Flexores do quadril – flexores do quadril apertados contribuem na transmissão de impulso da pelve. O subproduto é desagradável, portanto o uso da bola de lacrosse pode ajuda-lo.

 Assista esse vídeo, um exemplo de treino que exige boa postura da coluna:

Apesar de pequenas, essas correções podem fazer grandes diferenças quando se trata de melhorar as suas técnicas de levantamento e arrebentar por planos de longa data, além de fazê-lo de uma forma segura. Mesmo que isso possa significar a diminuição de peso, você pode aumentar a sua técnica de corte em 15%, o seu corpo irá agradecê-lo.