Quando Consumir Proteína Sólida e Líquida Para Melhores Ganhos de Massa Muscular

Proteína Sólida e Líquida Para Musculação
Sem Título-3

Recentemente foi feito um estudo para determinar se o ideal para maximizar a síntese proteica era o consumo de proteína líquida ou sólida antes do treinamento.

As refeições foram feitas 45 minutos antes do treinamento, e o grupo que ingeriu a proteína líquida a dividiu em porções tomadas a cada 15 minutos, para tentar imitar a digestão dos alimentos sólidos, que é mais lenta.

O estudo constatou que os níveis de aminoácidos do grupo que consumiu a proteína em forma líquida voltou ao normal antes que o treino terminasse.

No entanto, o grupo dos alimentos sólidos manteve os níveis da síntese proteica elevados até 2 horas após o treinamento.

Sendo assim, podemos concluir que o ideal antes do treino, principalmente para quem quer ganhar massa muscular, é consumir a proteína em uma refeição sólida, pois os ganhos e a recuperação serão bem maiores.

Por outro lado, após o treinamento o ideal é consumir a proteína em uma refeição líquida, pois nesse momento nosso corpo precisa absorver os nutrientes rapidamente.

Dica: a maneira mais rápida de consumir a proteína em uma refeição líquida é misturar Whey Protein e água.

Portanto, para ter os melhores resultados possíveis você deve fazer o seguinte:

– 45 minutos antes do treino você deve fazer uma refeição proteica sólida, utilizando como fontes alimentos como frango, carne, atum, ovos, etc. É importante que essa refeição contenha pelo menos 30g de proteínas.

– Imediatamente após o treino é recomendado tomar um shake com 40g de proteínas ou mais.

Proteína Sólida e Líquida Para Musculação

Isso é tudo que você precisa fazer para otimizar a síntese proteica muscular durante a após o seu treinamento, de forma que os ganhos de massa sejam o mais satisfatórios possíveis.

Para ter mais opções de cardápios para ganhar músculos, conheça o e-book Receitas Anabólicas clicando aqui. Para encontrar as melhores opções de Whey Protein do mercado clique aqui.

Referências: Musclehack